terça-feira, 14 de março de 2017

POESIA

                                         A NATUREZA E EU
 Num pé de serra, aprazível sítio somente eu e a natureza. Sentado na relva sinto todos os perfumes que emanam desse local encantador! Contemplo o verde majestoso da vegetação, gigantescas árvores, belas e variadas flores. Ouço muitos sons, o cantar das aves e o murmúrio de um riacho. Muitos pensamentos povoam minha mente e logo são atraídos como um ímã pelas águas cristalinas. Eles são levados pelas águas. Sinto-me agora muito mais leve mais perto da verdadeira essência de paz, tranqüilidade, harmonia e amor. Delicio por alguns momentos com essa serenidade, preenchendo meu Ser. Volto ao meu mundo rel Agradecendo a Deus tudo que vi e senti.
 Maria Loussa 
 OBRA PROTEGIDA